carga-tributaria

Ganha força no governo federal a possibilidade de se aprovar impostos que incidam sobre heranças, grandes fortunas, lucros e dividendos. É uma forma de compensar o aumento na Cide/Combustíveis, do não-reajuste completo da tabela do Imposto de Renda e da retirada da desoneração na folha de pagamento das empresas.

Uma estimativa, com essas novas fontes de arrecadação, é que o governo consiga engordar o caixa com mais R$ 31 bilhões. Mas existem alguns “poréns”.

Um deles é que grandes investidores estrangeiros deixem o país por conta dos impostos sobre os lucros que remetem aos seus países de origem, que até então é isento de tributação.

A ver o comportamento destes quando os impostos chegarem até eles.

Veja o texto na íntegra no link abaixo:

Folha de S.Paulo: Governo estuda taxar lucros e dividendos e herança

Leave a Comment