leao-bravo

As contas do governo federal insistem em não fechar, por mais que se aumentem os impostos e se tente reduzir os gastos públicos. Mas não podemos acreditar em “milagres” arrecadatórios para fechar as contas no azul.

“Não há atalho para aumentar a arrecadação no país”, disse o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, no X Enat (Encontro Nacional dos Administradores Tributários), que aconteceu em São Paulo entre 20 e 23 de outubro.

Tudo bem que ele não foi específico sobre o que seriam os tais atalhos, mas ele citou a simplificação tributária, tanto no número de impostos quanto no compartilhamento de dados entre os Fiscos estaduais.

Veja o texto na íntegra no link abaixo:

Folha de S.Paulo: Para Levy, não há atalho para elevar a arrecadação no país

Leave a Comment